ROTUNDA


A NOITE DO BARQUEIRO

Arnaldo Torres

Questões e dilemas da condição humana

 

 


Com A Noite do Barqueiro (texto e direção de Samir Yazbek), que estreia nesta sexta-feira, 9/1, no Sesc Ipiranga, em São Paulo, o ator Helio Cicero comemora 30 anos de carreira. Estruturado em "estações" que em linguagem simbólica contemplam o percurso de um barqueiro, o monólogo aborda características da sociedade contemporânea como, nas palavras de Yazbek, "o impasse do homem idealista ao se deparar com a brutalidade de uma realidade que o contraria".

Um homem, depois de um acidente, se vê isolado em uma ilha à espera do amanhecer para continuar sua viagem. É o momento para uma reflexão sobre sua vida, para questionar o sentido de sua existência - uma metáfora da travessia do homem e do processo de evolução da consciência. Em discussão: solidão, medo da morte, idealismo, a dor e a beleza que emolduram a precariedade do ser humano.

Uma exposição de fotos e vídeos no saguão do teatro abarca os 30 anos de carreira de Cicero. O espetáculo solo dá sequencia às atividades da Cia. Arnesto nos Convidou, formada por Eduardo Semerjian, Geondes Antonio, Cicero, Maucir Campanholi, Yazbek e Silvia Marcondes Machado. Formalizado em 2007 com Diálogo das Sombras (texto de Yazbek e direção de Campanholi), o grupo pretende reestrear, ainda neste primeiro semestre, O Fingidor (que deu a Yazbek o Prêmio Shell de autor de 1999) e colocar em cartaz, no segundo, Raízes (título provisório).

Abaixo, entrevista com Yazbek concedida por e-mail.



Escrito por Mauro Fernando s 18h03
[ ] [ envie esta mensagem ]


A NOITE DO BARQUEIRO

Arnaldo Torres

Autoconhecimento versus conquistas materiais

 

 


ROTUNDA - Qual sua motivação para escrever A Noite do Barqueiro? A peça foi escrita especialmente para Helio Cicero comemorar 30 anos de carreira?

SAMIR YAZBEK - Minha motivação foi investigar o impasse do homem idealista ao se deparar com a brutalidade de uma realidade que o contraria. Também queria retomar a possibilidade de criar um texto poético. Para isso me utilizei da metáfora, tanto no plano da fábula quanto das falas. A peça já existia antes de eu começar a trabalhar com o Helio. Mas a nossa parceria é sempre cheia de estímulos e surpresas. Helio fez de A Noite do Barqueiro a sua peça, se colocando em cada palavra, em cada atmosfera, em cada acontecimento. Mais do que comemorar trinta anos de carreira, foi o nosso encontro artístico que conduziu esse processo.

ROTUNDA - De que trata a peça? É uma especulação sobre a presença do homem na terra?

YAZBEK - A Noite do Barqueiro é uma tentativa de criar uma mitologia própria para mergulhar na psique do homem contemporâneo. A metáfora se realiza através da trajetória de um barqueiro que, por conta de um acidente, interrompe uma viagem que faria a um farol do outro lado do continente. O enredo acompanha a transformação desse personagem, a princípio um semideus, em homem, através da sua consciência. A peça estrutura-se em "estações", que representam as etapas que o personagem deve passar até perceber que sua travessia tem mais a ver com autoconhecimento do que com conquistas materiais.

ROTUNDA - Onde a questão ética, temática que acompanha seus trabalhos, se encaixa em A Noite do Barqueiro?

YAZBEK - Pelo menos duas características fazem do personagem de A Noite do Barqueiro um prolongamento dos personagens de outras peças minhas: a honestidade na busca pelo sentido da vida e a coragem de enfrentar os percalços que surgem nessa direção.

ROTUNDA - Sobre a direção: em que esse exercício interfere na produção dramatúrgica?

YAZBEK - Escrever e dirigir são facetas de um só fenômeno, que é recriar a vida em sua plenitude.

ROTUNDA - Espetáculo solo implica necessariamente em solilóquio? Como fugir dessa armadilha, já que o público pouco acostumado com monólogos tende a considerá-los enfadonhos antes mesmo de entrar no teatro? Evitar essa arapuca é um trabalho de direção ou de dramaturgia?

YAZBEK - A Noite do Barqueiro é um coração exposto aos olhos do público. Helio Cicero faz a personagem com uma sinceridade e delicadeza como poucas vezes vi em nosso teatro. Além do mais, acredito que a temática do texto é pungente para quem reconhece no teatro uma oportunidade de aprofundar as questões e dilemas da condição humana. Não acredito que uma peça afaste o público por ser monólogo, mas por não ser boa. E eu espero sinceramente que a nossa seja uma experiência inesquecível para o espectador.


A NOITE DO BARQUEIRO. Texto e direção de Samir Yazbek. Com Helio Cicero. No Sesc Ipiranga. Rua Bom Pastor, 822, São Paulo, SP. Fone (11) 3340-2000. Sábados, às 20h, e domingos, às 18h. R$ 5 a R$ 15. Até 15/2.



Escrito por Mauro Fernando s 17h56
[ ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]
 
Histrico
08/11/2015 a 14/11/2015
01/11/2015 a 07/11/2015
18/10/2015 a 24/10/2015
11/10/2015 a 17/10/2015
04/10/2015 a 10/10/2015
27/09/2015 a 03/10/2015
20/09/2015 a 26/09/2015
13/09/2015 a 19/09/2015
21/06/2015 a 27/06/2015
05/04/2015 a 11/04/2015
22/03/2015 a 28/03/2015
15/03/2015 a 21/03/2015
09/11/2014 a 15/11/2014
19/10/2014 a 25/10/2014
21/09/2014 a 27/09/2014
14/09/2014 a 20/09/2014
27/07/2014 a 02/08/2014
29/06/2014 a 05/07/2014
22/06/2014 a 28/06/2014
15/06/2014 a 21/06/2014
08/06/2014 a 14/06/2014
01/06/2014 a 07/06/2014
25/05/2014 a 31/05/2014
18/05/2014 a 24/05/2014
11/05/2014 a 17/05/2014
04/05/2014 a 10/05/2014
27/04/2014 a 03/05/2014
13/04/2014 a 19/04/2014
06/04/2014 a 12/04/2014
30/03/2014 a 05/04/2014
23/03/2014 a 29/03/2014
16/03/2014 a 22/03/2014
09/03/2014 a 15/03/2014
17/03/2013 a 23/03/2013
03/02/2013 a 09/02/2013
20/01/2013 a 26/01/2013
13/01/2013 a 19/01/2013
23/12/2012 a 29/12/2012
16/12/2012 a 22/12/2012
09/12/2012 a 15/12/2012
25/11/2012 a 01/12/2012
18/11/2012 a 24/11/2012
26/08/2012 a 01/09/2012
27/05/2012 a 02/06/2012
31/07/2011 a 06/08/2011
05/06/2011 a 11/06/2011
15/05/2011 a 21/05/2011
01/05/2011 a 07/05/2011
20/03/2011 a 26/03/2011
06/02/2011 a 12/02/2011
16/01/2011 a 22/01/2011
07/11/2010 a 13/11/2010
24/10/2010 a 30/10/2010
15/08/2010 a 21/08/2010
01/08/2010 a 07/08/2010
25/07/2010 a 31/07/2010
18/07/2010 a 24/07/2010
04/07/2010 a 10/07/2010
27/06/2010 a 03/07/2010
10/01/2010 a 16/01/2010
18/10/2009 a 24/10/2009
11/10/2009 a 17/10/2009
27/09/2009 a 03/10/2009
16/08/2009 a 22/08/2009
02/08/2009 a 08/08/2009
14/06/2009 a 20/06/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
22/03/2009 a 28/03/2009
15/03/2009 a 21/03/2009
08/03/2009 a 14/03/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
04/01/2009 a 10/01/2009
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
23/03/2008 a 29/03/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
09/03/2008 a 15/03/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
11/11/2007 a 17/11/2007
02/09/2007 a 08/09/2007
26/08/2007 a 01/09/2007
19/08/2007 a 25/08/2007
15/07/2007 a 21/07/2007
08/07/2007 a 14/07/2007
01/07/2007 a 07/07/2007
03/12/2006 a 09/12/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
22/10/2006 a 28/10/2006
15/10/2006 a 21/10/2006
01/10/2006 a 07/10/2006
24/09/2006 a 30/09/2006
17/09/2006 a 23/09/2006
27/08/2006 a 02/09/2006
20/08/2006 a 26/08/2006
13/08/2006 a 19/08/2006
06/08/2006 a 12/08/2006
30/07/2006 a 05/08/2006
23/07/2006 a 29/07/2006
16/07/2006 a 22/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
04/06/2006 a 10/06/2006
28/05/2006 a 03/06/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
07/05/2006 a 13/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
23/04/2006 a 29/04/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
09/04/2006 a 15/04/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
12/02/2006 a 18/02/2006