ROTUNDA


A ALMA BOA DE SETSUAN

João Caldas

Chui Tá e a fábula da bondade impossível impregnada de visão transformadora

 

 

As peças de Bertolt Brecht (1898-1956) – como A Alma Boa de Setsuan, em cartaz no Tuca, em São Paulo – estão impregnadas de uma visão transformadora do mundo. Insubmisso ao cânone aristotélico, Brecht lançou uma reviravolta no fazer teatral ao mesmo tempo que serviu ao ideário da mudança da sociedade pela via da conscientização política.

 

Em A Alma Boa de Setsuan, a prostituta Chen Tê (Denise Fraga) recebe dos deuses (sintetizados pela adaptação do diretor Marco Antônio Braz e do ator Marcos Cesana, falecido em maio, no personagem interpretado por Ary França) uma boa soma de dinheiro. Deus encontra em Chen Tê a única pessoa capaz de praticar a bondade e provar que a humanidade, mergulhada até a medula no egoísmo, pode ser salva. Ela aceita a quantia e compra uma tabacaria.

 

Nessa fábula da bondade, Chen Tê cria um duplo a fim de evitar a ruína do seu meio de sustento e se transforma no seu primo Chui Tá. Este se especializa em dizer “não” aos que exploraram a bondade de Chen Tê e se torna um capitalista, dono de um negócio de caráter nada edificante. Essa dualidade faz a peça se mover. À plateia cabe procurar a saída para o impasse da bondade impossível.

 

A adaptação inclui um conto de Brecht (A Questão de Existir um Deus, contido no livro Histórias do Sr. Keuner). A encenação fornece um frescor ao texto original, mas o exagerado apelo cômico – tônica da montagem – retira um tanto do efeito do estranhamento, cerne da obra brechtiana.

 

A concepção épica de Brecht prevê um estímulo à capacidade de raciocínio do espectador ao desprezar uma fusão ilusória do ator com o público – rejeita a identificação do espectador com o personagem e propõe o distanciamento que evoca a reflexão. A concepção de Braz busca um teatro popular – como o brechtiano, afinal –, o que é positivo, mas dilui um pouco esse efeito ao conferir à transmissão de vivências o mesmo peso dado à transmissão de conhecimento.

 

A montagem, claro, tem méritos – cenografia (de Márcio Medina), figurino (de Verónica Julian) e iluminação (de Wagner Freire), por exemplo. Ou não receberia o troféu da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) de melhor espetáculo – e Denise, o de melhor atriz. Braz ganhou o Prêmio Shell.

 

 

A ALMA BOA DE SETSUAN. De Bertolt Brecht. Direção de Marco Antônio Braz. Com Denise Fraga, Ary França, Cláudia Mello, Joelson Medeiros, Kiko Marques, Fábio Herford, Vera Mancini, Laerte Mello, Virgínia Buckowski, Maristela Chelala e João Bresser. No Tuca. Rua Monte Alegre, 1.024. Fone 2626-0938. Hoje e amanhã, às 21h30, e domingo, às 19h. R$ 20 e R$ 30. Até domingo.



Escrito por Mauro Fernando s 13h57
[ ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]
 
Histrico
08/11/2015 a 14/11/2015
01/11/2015 a 07/11/2015
18/10/2015 a 24/10/2015
11/10/2015 a 17/10/2015
04/10/2015 a 10/10/2015
27/09/2015 a 03/10/2015
20/09/2015 a 26/09/2015
13/09/2015 a 19/09/2015
21/06/2015 a 27/06/2015
05/04/2015 a 11/04/2015
22/03/2015 a 28/03/2015
15/03/2015 a 21/03/2015
09/11/2014 a 15/11/2014
19/10/2014 a 25/10/2014
21/09/2014 a 27/09/2014
14/09/2014 a 20/09/2014
27/07/2014 a 02/08/2014
29/06/2014 a 05/07/2014
22/06/2014 a 28/06/2014
15/06/2014 a 21/06/2014
08/06/2014 a 14/06/2014
01/06/2014 a 07/06/2014
25/05/2014 a 31/05/2014
18/05/2014 a 24/05/2014
11/05/2014 a 17/05/2014
04/05/2014 a 10/05/2014
27/04/2014 a 03/05/2014
13/04/2014 a 19/04/2014
06/04/2014 a 12/04/2014
30/03/2014 a 05/04/2014
23/03/2014 a 29/03/2014
16/03/2014 a 22/03/2014
09/03/2014 a 15/03/2014
17/03/2013 a 23/03/2013
03/02/2013 a 09/02/2013
20/01/2013 a 26/01/2013
13/01/2013 a 19/01/2013
23/12/2012 a 29/12/2012
16/12/2012 a 22/12/2012
09/12/2012 a 15/12/2012
25/11/2012 a 01/12/2012
18/11/2012 a 24/11/2012
26/08/2012 a 01/09/2012
27/05/2012 a 02/06/2012
31/07/2011 a 06/08/2011
05/06/2011 a 11/06/2011
15/05/2011 a 21/05/2011
01/05/2011 a 07/05/2011
20/03/2011 a 26/03/2011
06/02/2011 a 12/02/2011
16/01/2011 a 22/01/2011
07/11/2010 a 13/11/2010
24/10/2010 a 30/10/2010
15/08/2010 a 21/08/2010
01/08/2010 a 07/08/2010
25/07/2010 a 31/07/2010
18/07/2010 a 24/07/2010
04/07/2010 a 10/07/2010
27/06/2010 a 03/07/2010
10/01/2010 a 16/01/2010
18/10/2009 a 24/10/2009
11/10/2009 a 17/10/2009
27/09/2009 a 03/10/2009
16/08/2009 a 22/08/2009
02/08/2009 a 08/08/2009
14/06/2009 a 20/06/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
22/03/2009 a 28/03/2009
15/03/2009 a 21/03/2009
08/03/2009 a 14/03/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
04/01/2009 a 10/01/2009
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
23/03/2008 a 29/03/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
09/03/2008 a 15/03/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
11/11/2007 a 17/11/2007
02/09/2007 a 08/09/2007
26/08/2007 a 01/09/2007
19/08/2007 a 25/08/2007
15/07/2007 a 21/07/2007
08/07/2007 a 14/07/2007
01/07/2007 a 07/07/2007
03/12/2006 a 09/12/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
22/10/2006 a 28/10/2006
15/10/2006 a 21/10/2006
01/10/2006 a 07/10/2006
24/09/2006 a 30/09/2006
17/09/2006 a 23/09/2006
27/08/2006 a 02/09/2006
20/08/2006 a 26/08/2006
13/08/2006 a 19/08/2006
06/08/2006 a 12/08/2006
30/07/2006 a 05/08/2006
23/07/2006 a 29/07/2006
16/07/2006 a 22/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
04/06/2006 a 10/06/2006
28/05/2006 a 03/06/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
07/05/2006 a 13/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
23/04/2006 a 29/04/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
09/04/2006 a 15/04/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
12/02/2006 a 18/02/2006